3.11.14

New York City //


| bryant park |

Se há algo de bom que dois mil e catorze me proporcionou foi a vontade de pegar na minha máquina analógica e fotografar sem parar. Nunca fui fã do digital, ou melhor, talvez nunca me tenha sentido em casa com este novo mundo que ainda me é tão estranho. Facilmente pego no meu iphone para capturar todos aqueles momentos do quotidiano dignos de aparecerem num dos quadradinhos do instagram mas muito raramente pego na minha máquina digital para disparar esta cidade cinematográfica. Eu tentei e voltei a tentar mas o amor por aquele compasso de espera forçado e o amor por este grão são tão mas tão mais fortes. 

Durante muito tempo perdi a vontade e talvez a inspiração de simplesmente carregar no botão e fazer click click click. Mas felizmente que agora regressou. Revelei este rolo ao fim de talvez três anos à minha espera e foi tão bom reviver alguns momentos do passado. 




14 comments:

  1. Oh eu adoro fotografia analógica!
    A digital permite muita coisa, já não vivemos sem ela!
    Mas a analógica tinha o seu encanto, que nos fazia render pela expectativa do ''será que ficou bem'' :)
    E a qualidade de revelação é outra!
    :)
    Mas estão a ficar na moda novamente! E está na minhas Christmas wishlist.
    :)
    beijinho

    ReplyDelete
    Replies
    1. Tem um encanto diferente sim, e para mim o resultado é sempre mais bonito. :)

      Delete
  2. Replies
    1. Nunca na vida o digital será mais importante que isto :)

      Delete
  3. O mais encantador na fotografia analógica passa, sobretudo, pelo período de espera em que se fica naquela expectativa se saiu bem ou não. E não só. É também todo o processo de revelação. Para mim, revelar fotografias analógicas é o mais próximo que o ser humano consegue chegar de fazer magia ;)

    ReplyDelete
    Replies
    1. Sim esse compasso de espera. Eu estava em pulgas para ver os resultados. Ás vezes tenho é pena que só veja 36 fotogradfias haha

      Delete
  4. Ando bastante desleixada nessa área. Não tenho lá muito jeito para fotografar, mas acho que a vontade faz muito. Tenho imensos rolos aqui por casa para revelar!

    ReplyDelete
    Replies
    1. Sem dúvida que a vontade faz muitos. E aprende-se com o tempo. Gosto de ficar pelo "amador". Sempre disse que no dia em que isto fosse "profissional" perderia o amor pela fotografia.

      Delete
  5. A foto ficou espectacular. Parabéns :)
    osorrisodesofia.blogspot.com

    ReplyDelete
  6. Que bonito!!!!Mágico como só o filme é capaz!!!

    ReplyDelete
  7. ver nova iorque através do teu grão é qualquer coisa. (uau)

    ReplyDelete

© OHH, HELLO Maira Gall.